Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!

Opções de cursos para jovens profissionais executivos

27 de setembro, 2019
Jornal da Cidade BH Notícia boa também dá audiência!

Coluna. Que tal aproveitar parte das suas férias para aprimorar o inglês, ou até mesmo fazer aulas do idioma dentro da sua área de atuação?

Esses cursos normalmente são de curta duração, entre 2 e 4 semanas, e são oferecidos durante todo o ano. São cursos com objetivo de dar um “upgrade” no idioma, mas com foco em uma determinada área. Muitas vezes, além das aulas formais, os alunos contam com palestras, visitas técnicas e workshops que irão enriquecer o programa. Portanto, a grande maioria irá exigir que o estudante tenha um certo nível de inglês para que possa usufruir de todas essas atividades.

O estudante irá fazer uma prova de nivelamento ainda no Brasil para que a escola tenha uma noção do seu nível e possa traçar um planejamento específico para as suas necessidades. Caso você ainda não tenha o nível mínimo exigido para um determinado curso, você poderá sempre fazer aulas de inglês “geral” até atingir esse nível mínimo.

A London School of English é uma das escolas mais antigas da Inglaterra, especializada em cursos para adultos somente. São dois centros em Londres: Holland Park e Westcroft Square, além de um centro na histórica cidade de Canterbury.

Leia também: Curso de férias ensina a montar robô

A escola acaba de lançar um novo programa para jovens profissionais, o “English for Work and Career”, ou “Inglês para o Mercado de Trabalho e Carreiras”. É um curso de duas semanas com foco no desenvolvimento da língua e habilidades professionais que irão ajudá-lo na sua carreira. Pensamento crítico e habilidades “soft” são importantes componentes desse programa.

O curso é para jovens profissionais no início de carreira – ou estudantes terminando a sua graduação e que queiram se preparar para o mercado de trabalho. A idade média dos estudantes deste programa varia entre 20 e 35 anos. Ao final do curso, você terá aprimorado o seu inglês, estará confiante para utilizar o idioma dentro de contextos profissionais, participar de reuniões, negociações e apresentações com muito mais confiança e desenvolver o seu vocabulário e gramática para situações de negócios. Algumas das áreas que serão vistas durante esse curso: comunicação intercultural, reuniões e negociações, aplicando para ofertas de trabalho (entrevistas e CV), apresentações, inglês para comunicação online, escrita para negócios, dentre outras.

Um outro programa bastante interessante é o “Legal English” – inglês para a área jurídica. É um curso de 3 semanas de duração voltado para advogados recém-formados ou estudantes de Direito. Ao final do curso, espera-se que o estudante consiga se comunicar de maneira mais confiante e espontânea em um contexto jurídico, e consiga usar a terminologia legal de maneira mais eficaz, seja em reuniões e negociações, ou redigindo. O foco do curso é desenvolver a língua no contexto jurídico e o vocabulário do direito criminal, cível e contratual por meio de estudos de caso, negociações, gerenciamento de conflito e visitas técnicas.

Para aqueles que têm um pouco mais de tempo, vale esticar o programa e fazer uma semana adicional de preparação para o Toles – Test of Legal English Skills – uma prova internacionalmente reconhecida e certificada pela “Law Society of England and Wales”. Ao final do programa, você poderá agendar o seu exame e sair da Inglaterra com um certificado reconhecido mundialmente.

Thiago Bueno Silva, paulista de 22 anos, estudante de Direito na PUC-SP, trancou a faculdade por seis meses, decidiu investir no aprimoramento do inglês e fechou com chave de ouro fazendo o programa Legal English e ainda a preparação para o Toles. Veja o que ele achou da London School of English: “a escola é realmente excelente, as instalações, os professores sempre solícitos e prontos para ajudar os estudantes, fomos superbem acolhidos. Toda segunda-feira tem um happy hour com todos os estudantes, o que ajuda muito a interação. O curso foi realmente muito produtivo, a didática é excelente e valeu muito a pena. Passei por vários processos seletivos e acabei de ser contratado; um grande diferencial foram realmente os cursos que fiz na Inglaterra. Recomendo bastante”.

 





Avalie este conteúdo


Sobre Paula Starling:

Paula Starling, sócia diretora da Intervip Intercâmbios, 26 anos de experiência no mercado de educação internacional. Intercambista do Rotary Clube, morou por 1 ano em Minnesota, EUA. Professora de inglês por 8 anos, trabalhou na extinta agência Núcleo de Intercâmbios, já foi coordenadora da BELTA -MG Associação Brasileira de Agências de Intercâmbio. Formada em Engenharia Civil pela PUC-MG e MBA em Gestão de Negócios pelo IBMEC-MG. Possui coluna no caderno de Turismo no Jornal da Cidade.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário

×
Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!