Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!

Vida a dois: saber ouvir

17 de maio, 2020
Jornal da Cidade BH Notícia boa também dá audiência!

Coluna. Conversar é maravilhoso, mas a conversa deve ser construtiva

Um dos valores da boa comunicação é saber ouvir. Porém, não é uma habilidade que encontramos com facilidade nas pessoas.  Como disse o nosso querido Rubem Alves: “há mais interesse em cursos de oratória do que de ‘escutatória’”. Mas podemos aprender, treinar e nos empenhar para que isso se torne uma característica adquirida – para o bem geral de todas as relações amorosas e afetivas! Conversar é maravilhoso, abre ideias e conecta, mas a conversa deve ser construtiva.

É muito importante saber ouvir com atenção. Ser bom ouvinte tem um resultado positivo e promove o diálogo, principalmente para a vida a dois.

Para ser bom ouvinte, é preciso valorizar o seu interlocutor – ficar atento ao que ele está falando, admirar, pois o conteúdo da conversa tem que despertar o interesse de quem ouve. Se você despreza a pessoa com quem está falando, não tem como manter a curiosidade em ouvi-la.

É importante demonstrar genuíno interesse, e até curiosidade, aos assuntos colocados pela outra pessoa – boas perguntas geram boas respostas, e assim o diálogo continua.

A pessoa que está falando fica motivada e entusiasmada a continuar, pois percebe o interesse verdadeiro, a sintonia e a cumplicidade de quem ouve – e isso é muito bom para a conversa ser agradável e um ponto forte de ligação entre um casal: gera cumplicidade emocional.

Não interromper enquanto o outro estiver falando: isso é fundamental! Muitas vezes, apressadamente, temos o hábito de querer expressar nossa opinião, ou dizer como a pessoa deveria ter feito, fazer assim ou assado. Ufa! Espere que a pessoa termine o raciocínio, ou até lhe faça uma pergunta sobre o que está achando das colocações, para então você entrar em cena. Acompanhe com atenção, muitas vezes a pessoa quer apenas compartilhar experiências, e não quer críticas ou lições, pois dependendo do conteúdo podem ser coisas difíceis de lidar e já tem um estresse para quem está relatando o que aconteceu.

Outro ponto: seja solidário. Independentemente do que acontecer, fique do lado de quem você ama. Muitas vezes a pessoa já está passando por uma situação de aflição e tensão e, se você ainda faz um comentário negativo, ou diz que a maneira como ela agiu não foi adequada, irrita quem estiver falando.  Fique disponível e aos poucos veja o que está contecendo realmente, deixe a outra pessoa se expressar, e ouça com carinho. Acredito que você colherá bons frutos nessa nova maneira de se relacionar. No mínimo, você terá um leal parceiro ou parceira para longas e intermináveis conversas!

Para terminar, uma afirmação de Nietzsche, na qual acredito e concordo inteiramente: “Ao pensar sobre a possibilidade de casamento, cada um deveria se fazer a seguinte pergunta: você crê que seria capaz de conversar com essa pessoa até a sua velhice? Tudo o mais no casamento é transitório, mas as relações que desafiam o tempo são aquelas construídas sobre a arte de conversar”.


Sobre Cristina Santos:

Formada pela PUC-MG, é psicóloga clínica e hipnoterapeuta. Entre os diversos cursos de especialização, possui o de Terapia Familiar Sistêmica Breve. Faz parte da equipe de profissionais da Clínica Sofia Bauer, como psicoterapeuta de jovens, adultos, terapia familiar e de casal. Além de palestrante é autora do capítulo "Como Lidar com o Problema da Traição - uma nova abordagem no trabalho com casais" do livro Manual de Hipnoterapia Avançado e Técnicas Psicossensoriais de Sofia Bauer, Editora Wak.

1 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Clayton Winstanley 6 de junho de 2020

    I simply want to say I am beginner to blogs and certainly enjoyed this web blog. Almost certainly I’m planning to bookmark your blog . You really have fabulous stories. Thanks a lot for revealing your webpage.

    http://www.firsttimeiwhtsb.com

Avatar
Deixe um comentário