Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!

Entrevista com Magali Alvarenga

14 de setembro, 2019
Jornal da Cidade BH Notícia boa também dá audiência!

Tecnologia. Sócia de uma startup de serviços de estética e manutenção automotiva revela que é possível lavar um carro com apenas 350 mL de água

O Brasil é o segundo mercado de aplicativos que mais cresce no mundo. Segundo levantamento do Adjust, empresa de análise e prevenção de fraudes do setor, nosso país está atrás apenas da Indonésia. Pensando nisso, cada vez mais empreendedores vêm buscando este mercado para criar possibilidades de negócios.

Nesse sentido, Magali Alvarenga – ao lado da sócia, Andressa Molinari – criou uma startup especializada em serviços de estética e manutenção automotiva por meio de aplicativo. Funciona assim: o cliente baixa o app na App Store ou no Google Play, faz seu agendamento e recebe os colaboradores para realizar os serviços em casa ou no trabalho, sem precisar se deslocar.

Além da praticidade, Magali Alvarenga aponta outros benefícios trazidos por seu empreendimento. O principal deles é a sustentabilidade, já que a lavagem ecológica, por exemplo, utiliza apenas 350 mL de água – frente aos 400 L utilizados em uma lavagem convencional – por um valor para lá de competitivo. Confira detalhes sobre essa novidade nesta entrevista:

JORNAL DA CIDADE Como surgiu a ideia de criar uma startup de serviços automotivos liderada por mulheres?

MAGALI ALVARENGA Sou proprietária de dois centros de estética automotiva há 14 anos. Já estou neste mercado há bastante tempo e até hoje vejo pessoas estranhando o fato de o negócio ser liderado por uma mulher. Quando comecei, tinha apenas 23 anos. As pessoas realmente estranhavam, perguntavam se meu pai era o dono. Não, o negócio sempre foi meu. Comprei o primeiro lava-jato de um cliente que estava quebrando e passando o ponto. Paguei com o dinheiro que economizava do meu estágio. Trabalho desde meus 19 anos e sempre tive essa necessidade de empreender. Para todo canto que olho, vislumbro uma oportunidade de negócio. Sou mesmo inquieta.

Leia também: Startup de serviços automotivos aposta na lavagem ecológica

Sempre procuro me atualizar, fiz minha pós em gestão de negócios na Dom Cabral e participo de várias redes de apoio, como o Projeto Mulheres Empreendedoras do Banco Itaú. Fui selecionada pra participar de um Workshop de Finanças, onde conheci a Andressa Assis, minha sócia.  Após o curso, ela me chamou para um bate-papo e veio com esta ideia de criar um aplicativo para o cliente solicitar o serviço de ecolavagem delivery aonde o carro estivesse estacionado. A ideia surgiu de uma necessidade dela. Ela estava em um lava-jato, em pleno sábado, aguardando o carro ser limpo, e indignada de perder 2h do dia na fila de espera. Então pensou: tem que existir um jeito mais fácil de fazer isso.

O mercado automotivo, em sua grande maioria, é masculino. Você acha que isso vem mudando nos últimos anos?

Com certeza sim! Apesar de o mercado ser predominantemente masculino, conheço várias mulheres que atuam nesta área e são bem-sucedidas. Conheço proprietária de rede de estacionamento, de posto de gasolina, de concessionária, oficina… Hoje, uma das maiores referência em estética automotiva no Brasil é a Carla Prado. Ela é uma detailer superbem conceituada no mercado. Faz de tudo, polimento, cristalização e ela tem 270 mil seguidores. Isso encoraja as mulheres a ingressarem neste mercado.

Mulheres também dirigem, têm carros e estão no mercado de trabalho. Consomem serviços automotivos e cuidam da manutenção dos veículos delas. Aquela ideia de oficina/ lava jato suja com foto de capa de Playboy caiu de moda. A estética automotiva está em alta e vemos muitos estúdios e oficinas com visual mais clean, limpas com cara de boutique oferecendo serviços com tecnologia e know-how agregados.

Hoje, o mercado de aplicativos no Brasil é um dos maiores do mundo. Você ainda enxerga uma resistência das pessoas em baixar os serviços pelo celular ou isso já está mudando?

Ainda há muita resistência do cliente em baixar o aplicativo para fazer o pedido da lavagem. Principalmente em BH. Existem mercados, como SP, que a cultura do APP já está mais consolidada. Mas o cliente que baixa e faz o chamado uma vez vira cliente fiel. Muitos passaram a lavar o carro com mais frequência após conhecer a facilidade oferecida pela nossa empresa. Para os que ainda têm resistência, ou querem o serviço de imediato, pois estão em um ponto parceiro, criamos outros canais de agendamento que são o site e o WhatsApp ou telefone (31) 98654-2830.

Além do aplicativo, a empresa possui mais de 60 pontos de atendimento em BH. Você ainda nota um conservadorismo das pessoas pelo serviço por telefone?

Somos parceiros da Rede ParePark, da Rede Rodopark do Extra Hipermercados, do Banco Semear, dentre outros. Noto grande conservadorismo e resistência não só nos pedidos on-line, mas também no método de lavagem. As pessoas tendem a não acreditar que é possível lavar um carro usando tão pouca água. Afinal a lavagem convencional gasta 400 L de água. Um desperdício.

É importante lembrar que a ecolavagem já está muito difundida em outros estado e países. É uma lavagem mais tecnológica que usa produtos à base de cera que lubrificam a pintura, encapsulam a sujeira e o profissional apenas a recolhe com uma microfibra especial sem usar força nem friccionar o pano contra a pintura do veículo.

O produto correto, aliado à técnica correta, é mais seguro que a lavagem convencional com água. Na ducha, o lavador apenas bate uma água e esfrega o carro com uma esponja, esfregando a própria sujeira contra a lataria do carro. Outra vantagem é que a limpeza da lataria na ecolavagem dura mais.

Para você, qual é a importância da sustentabilidade nos negócios?

A nossa startup é um modelo de negócio completo com impacto ambiental, social e ainda escalável. No que tange ao impacto ambiental: não entendo como as pessoas ainda lavam o carro com água. Temos um método tão eficiente quanto do da lavagem convencional com preços competitivos e entregamos um serviço seguro com mais conveniência pro cliente. Lavamos o carro dele enquanto ele está parado e sem uso.

A sustentabilidade é um dos pilares da Wicar e ela pesa sempre nas nossas decisões. Já tivemos boas oportunidades de colocar a Wicar em concessionárias e estacionamentos cujos parceiros já tinham uma estrutura de lavagem com água e queriam que fornecêssemos a mão de obra apenas dos serviços mais elaborados de estética automotiva e recusamos o convite porque os parceiros não estavam alinhados com nossa política. A Ecolavagem é o futuro. Não negociamos!

Perfil
Nome completo: Magali Alvarenga
Um livro: Startup Enxuta
Um sonho: Levar a Wicar para outros países
Delivery é: A melhor opção para ter mais tempo pra família, pro trabalho e pros amigos

Foto Divulgação/JC

Avalie este conteúdo


Sobre Jornal da Cidade BH:

Portal de notícias de BH e região, com informações sobre eventos empresariais, negócios, economia, política, cobertura social e muito mais.

Senha o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário

×
Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!