Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!

Sada Cruzeiro é o único hexacampeão sul-americano de vôlei

04 de março, 2019
Por: Jornal da Cidade BH
Fotos: Agência i7/Sada Cruzeiro
Jornal da Cidade BH Notícia boa também dá audiência!

Esporte. Com o título do sul-americano de vôlei masculino, conquistado na noite desde domingo, 3, em Belo Horizonte, o Sada Cruzeiro tornou-se hexa neste torneio. A equipe comandada pelo argentino Marcelo Mendez fez 3 sets a 1 sobre o UPCN, também da Argentina. Os cruzeirenses agora são os maiores campeões de todos os tempos na América do Sul.

Na partida disputada na Arena Minas lotada, o time celeste jogou muito bem, com um potente saque e ataque, e marcou parciais de 25/19, 25/18, 21/25 e 25/16.

O central Isac foi escolhido  melhor do jogo e Evandro o maior pontuador da final, com 23 acertos, mesmo número do polonês Bartaman, pelo UPCN.

“Fizemos uma grande partida na final e conseguimos este título tão importante para o clube. É preciso destacar também a grande campanha que fizemos no torneio, com grandes jogos. Uma conquista como essa não é fácil. Todos estão de parabéns, se esforçaram ao máximo e somos campeões do Sul-Americano pela sexta vez”, afirmou o técnico Marcelo Mendez.

Três entre os melhores

Além do troféu, o Sada Cruzeiro emplacou três nomes na seleção do campeonato: Isac, Rodriguinho e o norte-americano Taylor Sander.

“Este foi um torneio muito difícil, com muitas partidas complicadas. E poder superar cada uma delas, ainda conseguindo jogar tão bem na final é muito importante pra gente nesta fase da temporada. Estou muito feliz”, afirmou Sander, após a partida.

Outro que comemorou muito foi o jovem levantador Cachopa. “Foi um torneio complicado, de muitos jogos em poucos dias e nosso time mostrou que está crescendo. Esse título significa muito para mim e para o nosso grupo”, observou o camisa 14.

Com a taça do Sul-Americano o Sada Cruzeiro ganhou também o direito de representar a América do Sul no Campeonato Mundial de Clubes de 2019.

“Missão cumprida e atingimos essa grande marca na América do Sul. Foi um grande campeonato. Fizemos bons jogos, de paciência, é sempre difícil jogar contra time argentino. Conseguimos reverter dois placares em jogos que muitos times teriam desistido, mas nosso time soube lidar. E esse é o espírito de um time campeão. Do primeiro ao último ponto brigando e sempre acreditando. E, numa final, entramos focados. Dentro de casa, com uma torcida dessa, saímos com o sentimento de dever cumprido”, concluiu o central Isac.

Os times da final

Sada Cruzeiro: Fernando Cachopa, Evandro, Sander, Rodriguinho, Isac, Le Roux e o líbero Serginho. Entraram Sandro, Luan, Filipe e Leozinho. Técnico: Marcelo Mendez

UPCN: Hage, Cavanna, Bartman, Lazo, Stulenkov, Ramos e o líbero Salvo. Entraram Gomez, Garrocq, Bozikovich, Nielson e Martina. Técnico: Fabian Armoa

Seleção do Campeonato

Ponteiro: Rodriguinho (Sada Cruzeiro)
Ponteiro: Melgarejo (Obras de San Juan)
Central: Flávio (Fiat Minas)
Central: Isac (Sada Cruzeiro)
Líbero: Salvo (UPCN)
Levantador: Cavanna (UPCN)
Oposto: Herrera (Obras de San Juan)
MVP – Melhor jogador: Taylor Sander (Sada Cruzeiro)

Leia mais sobre esportes aqui.


Sobre Jornal da Cidade BH:

Portal de notícias de BH e região, com informações sobre eventos empresariais, negócios, economia, política, cobertura social e muito mais.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário