Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!

Laboratório mineiro já fez mais de 1 milhão de exames para detectar coronavírus

03 de setembro, 2020
Jornal da Cidade BH Notícia boa também dá audiência!

Saúde. Um dos maiores grupos de medicina diagnóstica do país, o Hermes Pardini ultrapassou a marca de 1 milhão de exames realizados para detectar o coronavírus. Desse montante, 590 mil foram do tipo RTP-CR (metodologia considerada padrão ouro para diagnóstico da Covid-19. Com capacidade para processar 20 mil exames RT-PCR por dia, a rede de laboratórios tem um dos maiores núcleos de realização de exames moleculares do Brasil.

O Núcleo Técnico Operacional localizado em Minas Gerais, sede da companhia, implantou o Guardian – um modelo produtivo inédito, exclusivo e automatizado para detecção de doenças infecciosas por biologia molecular. Essa capacidade produtiva permite ampliar exponencialmente o volume de testagem em todo o país, reforçando o atendimento a pacientes diretos, médicos, hospitais, laboratórios parceiros e públicos, operadoras de saúde e empresas nacionais e internacionais.

Leia também: Como preparar a mente para o “novo normal”

O exame é disponibilizado pelo Grupo de laboratórios em todos os estados do Brasil, por meio da rede própria de atendimento em Minas Gerais, São Paulo, Goiás e Rio de Janeiro (122 unidades), bem como para mais de 5,5 mil laboratórios e hospitais em 2 mil cidades ao redor do país, informa a empresa.

QS5 faz o exame RT-PCR

QS5 faz o exame RT-PCR

O equipamento QS5 faz o exame RT-PCR e analisa 384 amostras por vez. Em cerca de 100 minutos, o aparelho consegue fazer a detecção do RNA do vírus em 384 amostras. Ao lado, o notebook conectado ao aparelho recebe as informações e gera os gráficos com resultados. _créditos:_Pedro Vilela_Agência i7


Sobre Jornal da Cidade BH:

Portal de notícias de BH e região, com informações sobre eventos empresariais, negócios, economia, política, cobertura social e muito mais.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário