Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!

Crítica: Interestelar traz as consequências do fim do mundo para a humanidade

25 de abril, 2019
Por: Helena Ivo
Fotos: Warner Bros.
Jornal da Cidade BH Notícia boa também dá audiência!

Semana da Terra. O Dia da Terra é comemorado em 22 de abril e completou 49 anos nessa segunda-feira. Para homenagear a data, o Jornal da Cidade vai indicar ao longo desta semana alguns filmes que falam sobre problemas ambientais. O escolhido de hoje é “Interestelar”, de 2014.

O longa, dirigido por Christopher Nolan e coescrito por ele e seu irmão, Jonathan Nolan, é um dos filmes mais lembrados quando se fala de espaço. A emocionante história narra a jornada de Cooper e outros astronautas da NASA na busca de um novo lar para a humanidade agora que o fim da Terra está cada vez mais iminente.

Interestelar chama a atenção principalmente por suas cenas realistas que renderam o Oscar de Melhores Efeitos Visuais: com a consultoria do físico teórico Kip Thorne, foi possível produzir imagens do espaço que até então só podíamos imaginar. A obra foi a primeira que trouxe, por exemplo, a imagem de um buraco negro mais próximo de sua realidade.

Leia também: Mãe! é o grito de socorro da natureza para a humanidade

Fim do mundo

Além das cenas de tirar o fôlego, Interestelar tem um enredo profundo e muito bem elaborado do início ao fim. Ao mesmo tempo que mostra a evolução das descobertas da NASA fora da Terra, Jonathan e Christopher Nolan trazem histórias de como o ser humano destruiu o único planeta do sistema solar capaz de abrigar vida e o impacto dessa destruição no nosso dia a dia.

Escassez de alimentos, pragas que devastam as poucas plantações que ainda restaram e poluição extrema que resulta em problemas de saúde fatais são alguns dos problemas abordados no longa.

Admirável

Chega a ser difícil falar desse filme sem spoilers, porque a obra é tão bem feita que chega a ser impressionante. A aliança entre  os irmãos Nolan e Kip Thorne foi crucial para a autenticidade do longa e rendeu até mesmo um livro – A Ciência de Interestelar – que conta o processo de criação do longa.

A maior parte de Interestelar foi baseada em estudos e todas as imagens foram criadas a partir do que cientistas preveem sobre certos eventos espaciais que ainda não foram fotografados.





Os personagens principais, interpretados por Matthew McConaughey, Anne Hathaway, Jessica Chastain, Mackenzie Foy e Michael Caine, fazem atuações impecáveis, capazes de transmitir toda a seriedade e a comoção fundamentais para a compreensão do filme. A trilha sonora, de Hans Zimmer, também recebeu indicação ao Oscar e age como uma peça importante no conjunto da obra cinematográfica.

Nota: 10/10

Onde assistir

“Interestelar” está disponível no Youtube Filmes.

Assista ao trailer:

 

Leia aqui todas as críticas do Jornal da Cidade e não se esqueça de continuar acompanhando o portal para as próximas críticas de filmes que falam sobre o planeta.

Crítica: Interestelar traz as consequências do fim do mundo para a humanidade
5 (100%) 4 voto[s]


Sobre Helena Ivo:

Helena Ivo, redatora, 25 anos. Graduada em Jornalismo pela PUC Minas, especialista em Marketing de Relacionamento, Eventos e Comunicação Empresarial pelo Instituto Superior de Comunicação Empresarial de Lisboa e em Produção de Conteúdo para a Web e Marketing de Conteúdo Avançado pela Universidade Rock Content. Já foi assessora de imprensa na Agenda Comunicação Integrada e social media em agências de Comunicação Empresarial. Apaixonada por cultura, já fez cobertura de eventos empresariais e shows nacionais e internacionais como Humberto Gessinger, Lana Del Rey e Kings of Leon. Atualmente é redatora no Jornal da Cidade BH e nas horas vagas é crítica de cinema e séries no Mundo Hype.

Senha o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário

×
Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!