Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!

Depois de anos turbulentos, construção civil mostra reação

20 de dezembro, 2019
Jornal da Cidade BH Notícia boa também dá audiência!

Entrevista. Presidente da Construtora Altti, com 30 anos de mercado, acredita em um 2020 promissor, mas ressalta a falta de bons e grandes terrenos em Belo Horizonte

A busca pela qualidade nos empreendimentos e em locais especiais, executando projetos elaborados e acabamentos sofisticados. São características que fazem parte do DNA da construtora mineira Altti, garante o presidente da empresa, Alberto Viotti. “Iniciamos nossas atividades há 30 anos, primeiro construindo pequenos shoppings em bairros e na década de 1990 passamos a construir empreendimentos de alto luxo nos bairros Sion e Belvedere”, lembra o engenheiro.
Nesta entrevista ao JORNAL DA CIDADE, Viotti comemora o início da recuperação do setor de imóveis este ano e traça planos otimistas para 2020.

JORNAL DA CIDADE – Como o senhor analisa o ano de 2019 para o setor da construção civil?
ALBERTO VIOTTI- No segundo semestre de 2019, após uma recessão fortíssima no setor, que teve início em 2014, percebemos o início da recuperação das vendas e dos preços dos imóveis. Nos 30 anos da construtora este período realmente foi o mais longo de recessão.

Qual a sua perspectiva para o ano de 2020?
O ano de 2020 está bem promissor para o setor em função da queda de estoques, dos juros mais baixos e da melhoria da economia em geral. Um sério problema em Belo Horizonte para a retomada do setor é a falta de bons e grandes terrenos, que se agravou muito após a aprovação do novo plano diretor e que irá encarecer em muito as novas edificações.

Quantos lançamentos a Altti pretende realizar ano que vem e em quais regiões?
A Altti no ano que vem finaliza dois belos empreendimentos: o Jardim Sion, com 32 apartamentos de 185 m2 e uma área de lazer espetacular em um terreno de 2.880 m2 no melhor ponto do Sion e o Ed. Gaudí Residència, na Fernandes Tourinho – Savassi, um empreendimento de 89 apartamentos de 1 e 2 quartos. Em março vamos iniciar o Ed. Aluminium de 36 apartamentos de 165 m2 na Rua Alumínio em um terreno de 2.800 m2 com uma área de lazer super completa. E partimos pela primeira vez para outras cidades, com a construção do Ed. Innovatti Center no Bairro Granja Marileusa em Uberlândia. O Granja Marileusa é um bairro inovador e planejado tipo “smart-cities”, desenvolvido pelo grupo Algar. Será talvez o melhor edifício de salas de Uberlândia, com 194 salas (de 25 a 432 m2), 246 vagas, salas de reunião e auditório e todas as comodidades de um empreendimento triplo “A”. Estamos apostando muito neste projeto em função das características de inovação do bairro, do dinamismo da economia de Uberlândia e da queda dos juros.

Qual a importância da redução das taxas de juros no incremento da construção civil?
O contexto para 2020 é o melhor possível para a construção civil: inflação e juros baixos. Com os juros baixos temos três fatores importantíssimos para o nosso setor: pagamos juros de financiamento mais baixo para a construção, o cliente consegue ao final da obra o valor de financiamento mais baixo da história para comprar o seu imóvel e paralelamente, o investidor passa a apostar mais na compra de imóveis para valorização e para a locação. Hoje a propriedade de um imóvel pode render, além da valorização do mesmo, uma renda de locação de 0,3 a 0,7% ao mês, que é maior que a aplicação em renda fixa. Hoje o imóvel passa a ser um grande negócio para investidores, depois de décadas de ganho fácil e sem risco em investimentos na renda fixa.


Sobre Jornal da Cidade BH:

Portal de notícias de BH e região, com informações sobre eventos empresariais, negócios, economia, política, cobertura social e muito mais.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário