Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!

Victoria’s Secret e Dolce & Gabbanna em alerta

30 de novembro, 2018
Jornal da Cidade BH Notícia boa também dá audiência!

Moda. Os desafios que as grandes (e pequenas) marcas têm pela frente  

Ainda que o desfile – mais para superespectáculo – da Victoria’s Secret cause sempre grande alvoroço (será transmitido para mais de 190 países e 800 milhões de espectadores no próximo domingo, dia 2), neste ano causou algo mais: duras críticas ao casting de modelos sem muita diversidade.

Com ações em queda, a marca tem sido questionada constantemente sobre o ideal de beleza feminina que consagrou suas angels nos últimos 20 anos. Pois bem, tantos anos e movimentos depois – como #MeToo e Time’s Up, modelos plus size e transgêneros que ganham cada vez mais voz e espaço nas mídias – as famosas asas continuam tendo como donas, referências que representam os mesmos tipos de mulheres que sempre representaram.

Enquanto isso, do outro lado do globo, um dos maiores boicotes já vistos no mundo da moda fez Domenico Dolce e Stefano Gabanna pedirem desculpas ao povo chinês e cancelarem outro superdesfile que aconteceria na última semana, em Shangai.

Tudo por conta de sua campanha de divulgação, com uma série de vídeos que mostra uma chinesa sem muita atitude, tentando comer quitutes italianos com hashi, obedecendo uma voz masculina com música e decór cliché ao fundo. O resultado foram chinesas enfurecidas nas redes sociais, clamando por um boicote contra o estereótipo desatualizado e racista que nada tem a ver com a mulher chinesa moderna.

Ainda que falando de marcas completamente diferentes, tratamos do mesmo problema sob diferentes óticas – uma pela falta de inclusão enquanto a outra pela sua tentativa frustrada –, mas ambas com um mesmo ponto-chave: como falar com todos, para todos e sem preconceitos?

É mesmo o grande desafio das marcas grandes (e pequenas) do cenário atual. Mas o segredo é acreditar verdadeiramente nessa diversidade dos tempos modernos e incluir sem exageros, com empatia aos incluídos.

E aqui fica uma dica: quando chega a hora de Victoria’s Secret e Dolce & Gabbanna repensarem seu savoir faire, pare e reflita por um instante. E você e sua marca? Estão prontas para se comunicar de forma alinhada com o novo mundo?

Avalie este conteúdo

×
Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!