Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!

Jean Paul Gaultier abre ateliê ao público em seu “não desfile”

16 de julho, 2020
Jornal da Cidade BH Notícia boa também dá audiência!

Luxo. Sempre trazendo alguma novidade, Jean Paul Gaultier decidiu seguir na contramão de marcas como Dior e Chanel, que estão apresentando suas coleções inverno 2020/21 na Semana de Alta-Costura de Paris, e lançar um novo projeto.

Chamado de o não-desfile, Gaultier apresenta um vídeo, em que mostra seu QG em Paris. Além disso, o público pôde acompanhar um pouquinho do backstage do seu ateliê de alta-costura. O material conta com a presença da nova geração de modelos e rostos icônicos, como Tanel Bedrossiantz, que usa peças únicas garimpadas no seu próprio acervo.

Com o nome “The Show Must Go On, o “não-desfile” pode ser visto abaixo:

A despedida

Depois de 50 anos sendo um dos principais nomes da moda, o estilista francês Jean Paul Gaultier fez, em Paris, seu último desfile de alta-costura. No entanto, a mente que marcou por sua criatividade extravagante, não pretende se aposentar completamente.

Aos 67 anos, o estilista, que anunciou seu último desfile de surpresa em um vídeo enviado para a imprensa, reuniu estilistas, celebridades, modelos de todas as idades e personalidades que são essenciais na moda, como Nicolas Ghesquière (que trabalhou com ele), Pierre Cardin (com quem ele trabalhou) na plateia, o cantor Boy George e musas como Farida Khelfa, Rossy di Palma e Dita von Teese desfilando. Claro que Tanel Bedrossiantz, seu eterno modelo, também desfilou. Um ou outro nome faltou, como Madonna, mas nada que ofuscasse a noite espetaculosa.

Leia também: Christian Louboutin celebra a it-Bag ‘Elisa’ em jantar em Los Angeles

Para seu último show (na alta-costura), foi necessário mais de uma hora de desfile,trazendo peças de seu acervo, com mais de 200 looks. Aliás, em época de consumo consciente, o excesso de roupas foi uma dos razões alegadas pra sua despedida. “Em vez de queimar as roupas em estoque, por que não fazer outra coisa? Eu sempre frequentei brechós e mercado de pulgas, isso faz parte da minha formação. No final, no máximo 50 looks eram novos”.

Foto: Divulgação


Sobre Jornal da Cidade BH:

Portal de notícias de BH e região, com informações sobre eventos empresariais, negócios, economia, política, cobertura social e muito mais.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário