Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!

O exemplo colombiano a ser copiado

23 de abril, 2020
Por: Jornal da Cidade BH
Texto: Gustavo Lovalho
Jornal da Cidade BH Notícia boa também dá audiência!

Pedalando. Prefeita de Bogotá aproveita a pandemia e aumenta malha de ciclovias, a fim de reduzir aglomerações, melhorar a mobilidade urbana e promover saúde aos cidadãos

Com a pandemia do novo coronavírus pelo mundo, diversos países vem tomando medidas para combater o crescimento dessa crise. Em alguns lugares a bicicleta surge como uma possível solução e uma ferramenta para contribuir muito para vencermos esta crise.

Uma importante iniciativa vem da Colômbia, cuja capital é Bogotá, que tem aproximadamente 8 milhões de habitantes e uma malha cicloviária de cerca de 550 quilômetros. A prefeita Cláudia Lopes, assim que começou a pandemia, veio a público enumerou três grandes problemas da cidade. O primeiro deles é o frio – isso provoca gripe; o segundo, a poluição; e o terceiro, o novo coronavírus.

A prefeita, então, anunciou uma medida emergencial de acrescentar mais 117 quilômetros de ciclovias aos 550 já existentes na capital. A ação diminui aglomerações no transporte público, contribui para o uso da bicicleta como meios de transporte e redução de carros nas vias. Consequentemente reduzindo os níveis de poluição naquela capital. Por aqui, seria uma boa ideia para nossos governantes. Não é mesmo?

Leia também: Coronavírus versus ciclismo

Já na cidade de Nova York, uma jornalista residente da big apple, Carolina Cimenti resolveu usar a bike para seus deslocamentos urbanos. Ao chegar na bicicletaria para revisar o equipamento ficou surpresa de encontrar a loja vazia, sem ter uma bike sequer à venda. O dono a informou que em uma única semana comercializou todo seu estoque de mais de 50 unidades.

Esta tendência também vem acontecendo por aqui. Conversando com um lojista semana passada, ele me informou que o mês de março foi o seu recorde de vendas desde abertura da loja.

Promover a mobilidade ativa – andar a pé ou de bicicleta – é o presente junto com o futuro. Além de promover a saúde pública os governantes conseguem ajustar outros problemas da mobilidade urbana.

Sabemos que em cidades com a topografia muito acidentadas o uso das bicicletas convencionais fica difícil, mas as urbanas elétricas vem ganhando força e adeptos. Esta semana, sete amigos optaram por adquirir uma bike urbana elétrica e a proposta, além de agilizar a seus deslocamentos, proporciona mais saúde e qualidade de vida.

Bicicleta é neste momento uma ferramenta que tem que se levar em consideração. Temos que promover o seu uso para soluções não só sustentáveis, mas para a mobilidade urbana, evitando aglomerações.

Quer uma dica de qual modelo comprar? Vamos nos falar e girar!

FOTO / Nico Estupinan


Sobre Jornal da Cidade BH:

Portal de notícias de BH e região, com informações sobre eventos empresariais, negócios, economia, política, cobertura social e muito mais.

1 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Daniel Souza 24 de abril de 2020

    Recomendo a dobrável elétrica da marca Skape. Leve e super prática e tb serve como uso intermodal junto com outro tipo de transporte. Cabe em qualquer lugar sem ocupar muito espaço. Valeu!!

Avatar
Deixe um comentário