Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!

Atualização da CBR 600RR inclui estilo e parte técnica

28 de agosto, 2020
Jornal da Cidade BH Notícia boa também dá audiência!

Repaginada. Disponível apenas em vermelho, superesportiva da Honda tem motor mais eficiente e apêndices aerodinâmicos que aumentam estabilidade

A icônica superesportiva CBR 600RR passa por sua mais radical atualização desde 2013 quando chegou ao mercado. É a linha 2020 a ser apresentada no Japão em setembro, para então depois ganhar o mundo. O modelo traz importantes alterações técnicas e de estilo.

A nova CBR 600RR é equipada com o motor quatro tempos arrefecido a líquido, de quatro cilindros em linha, DOHC de 16 válvulas, de 599 cc de cilindrada, que gera potência de 121 cv a 14.000 rpm, com torque máximo de 6,5 kgfm a 11.500 rpm.

A rotação na qual a potência máxima é atingida foi aumentada em 500 rpm em comparação ao motor da CBR 600RR anterior. Para isso, foram incluídos novos materiais em componentes considerados chave para a Honda. São eles: comandos de válvula e árvore de manivelas.

O ganho de eficiência no sistema de admissão e exaustão foi obtido através de dutos de entrada de novo desenho e maior diâmetro, otimização das curvas de escape e alterações no diagrama dos comandos de válvulas. Outro aperfeiçoamento foi realizado no cabeçote, visando uma melhor arrefecimento na região das válvulas de exaustão.

A atualização do pacote eletrônico trouxe ao modelo tecnologia que permite ao piloto selecionar diferentes “riding modes”. Ele pode escolher opções diferentes de gestão que alteram o comportamento da motocicleta de acordo com as condições de uso e preferências pessoais.

O modelo também vem equipado com o IMU (Inertial Measurement Unit). É um dispositivo que registra em tempo real o comportamento dinâmico da motocicleta, que em parceria com o acelerador eletrônico throttle-by-wire (TBW) e múltiplos sensores. Assim fornece parâmetros para a atuação de sistemas, como o Selectable Torque Control (HSTC), a frenagem eletrônica ABS, o Wheelie Mitigation Control e o Selectable Engine Brake.

No que se refere ao estilo e design, a CBR 600RR teve a área frontal redesenhada. A lateral ficou com desenho mais aerodinâmico. Ela ganhou apêndices aerodinâmicos conhecidos como winglets que geram downforce, pressão aerodinâmica que incrementa a estabilidade especialmente na fase de entrada de curvas e nas reacelerações.

Outros itens de série na nova motocicleta são iluminação Full LED, painel de instrumentos de cristal líquido TFT, comando da embreagem deslizante assistido, além do sistema Quick Shifter bidirecional para mudança de marchas sem uso da embreagem.





FOTOS / Divulgação JC / Honda


Sobre Jornal da Cidade BH:

Portal de notícias de BH e região, com informações sobre eventos empresariais, negócios, economia, política, cobertura social e muito mais.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário