Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!

CIRURGIA PLÁSTICA INOVA COM RINOPLASTIA ULTRASSÔNICA

15 de janeiro, 2019
Por: Jornal da Cidade BH
Foto: Mateus Ferreira
Jornal da Cidade BH Notícia boa também dá audiência!

 Bem estar. A rinoplastia ultrassônica já é uma realidade em Belo Horizonte com diversos benefícios para a recuperação e melhores resultados, como a redução do tempo de edema e dos hematomas no rosto. O procedimento cirúrgico usa a inovadora tecnologia italiana do Piezo.

O cirurgião plástico Pedro Bersan (foto) explica que o processo usa um bisturi piezoelétrico especial para o corte ósseo, permitindo operar com maior precisão sobre o osso e a cartilagem sem impacto com menor traumatismo. Ele ressalta também que o equipamento permite o uso de recursos cirúrgicos, antes inviáveis, como enxertos especiais, melhorando o resultado estético e a função respiratória a médio e longo prazo.

O procedimento é menos traumático e invasivo, sendo um importante resultado de várias pesquisas da medicina estética por alternativas para correções do nariz com menores desconfortos.

A remodelação do nariz, conhecida como rinoplastia, é uma das cirurgias plásticas mais procuradas no Brasil. Um estudo da Academia Americana de Cirurgia Plástica e Reconstrutora Facial revelou um aumento de 10% nessa demanda, decorrente de pessoas que se preocupam com a aparência em selfies nas redes sociais. Em 2015, foram realizadas 1,5 milhão de cirurgias plásticas no Brasil e a rinoplastia ocupou o 4º lugar em procedimentos.

Bersan afirma que a cirurgia é indicada para quem quer mais harmonia para o rosto e melhoria na função respiratória, sendo possível remodelar o perfil, o formato da ponta, o tamanho, a projeção e, até mesmo, a largura nasal. Até doenças como a rinite e a sinusite podem ser melhoradas com a cirurgia em vários casos.

O pós-operatório tradicional é um pouco desconfortável com hematomas e inchaço e os efeitos chegam até a região dos olhos, sendo que, em alguns casos, demoram semanas para desaparecer.

O resultado final com o Piezo reduz o sangramento, a aparição de hematomas e de inflamações, propiciando uma recuperação mais tranquila e menos dolorosa, permitindo o retorno mais rápido às atividades. Segundo o cirurgião, com a rinoplastia tradicional, a aparência do nariz sem inchaço somente pode ser percebida a partir de seis meses e, na ultrassônica, o resultado começa a aparecer, já no quarto mês.

CIRURGIA PLÁSTICA INOVA COM RINOPLASTIA ULTRASSÔNICA
5 (100%) 1 voto

×
Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!