Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!

Verdemar abre 13ª loja e planeja mais duas em 2018

12 de Janeiro, 2018

Varejo. Rede de supermercados mineira leva, para a região do bairro Castelo, seu variado mix de produtos nacionais e importados

Antes de 2017 terminar, o Verdemar inaugurou mais uma loja em Belo Horizonte. Foi a 13ª unidade – a quarta do ano – na avenida Tancredo Neves, 2.700, considerado um ponto estratégico de comércio do bairro Castelo. Com 2.054m², 156 vagas de estacionamento, 14 pontos de checkout e 23 mil itens para venda, a loja manteve seu foco de ter produção própria de itens artesanais, variado mix de produtos nacionais e importados.

Também permanecem os tradicionais e exclusivos serviços gastronômicos, tais como a parrilla, pizzaria, cafeteria, sushi e temakeria, creperia, grill, saladas e frango assado. Outro destaque do Verdemar Castelo é a já famosa adega, com produtos de marca própria e importações exclusivas.

O sócio-proprietário Verdemar, Alexandre Poni, afirma que a abertura da unidade Castelo vem atender a demanda de um bairro em franca expansão, gerando 300 novos postos de trabalho e trazendo oportunidades para a região. “Esperamos, com esta nova unidade, levar ainda mais comodidade aos moradores e frequentadores daqui”, observa.

Assim como nas mais recentes unidades inauguradas, todo o projeto leva em conta a abordagem sustentável, que vai desde o sistema de refrigeração e troca de calor da loja até a utilização de lâmpadas de LED em toda a área de vendas e de produção, além das caixas ecológicas, que incentivam o cliente a destinar de forma adequada as embalagens dos produtos comprados.
O ano que passou foi importante para o grupo mineiro, conforme celebra o outro sócio-proprietário, Hallison Moreira. Houve aumento de 45% no número de lojas – nove para 13 – e as novas unidades inauguradas representaram, ainda, a geração de 1.220 novos postos de trabalho. “É gratificante contribuir com o desenvolvimento do nosso Estado, gerando empregos e movimentando a economia, principalmente em um ano de instabilidade como foi 2017”, avalia.

Para 2018, a rede de supermercados vai avançar ainda mais, uma vez que há planos para a abertura de lojas no Luxemburgo e Cidade Nova, ambas em Belo Horizonte.

Fotos: Divulgação JC/Interface