Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!

Transporte coletivo representa alternativa para mobilidade mais limpa e consciente

10 de junho, 2019
Jornal da Cidade BH Notícia boa também dá audiência!

Mês do Meio Ambiente. O Dia Mundial do Meio Ambiente foi comemorado na última semana, 5 de junho e, neste ano, traz como tema a “Poluição do Ar”, uma questão crítica tanto para o meio ambiente quanto para a saúde humana.

Ciente de que o futuro das metrópoles passa pela redução dos impactos ambientais causados pelos gases do efeito estufa emitidos pelos veículos, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Belo Horizonte (SetraBH) reforça o comprometimento do transporte coletivo por ônibus da capital com a redução na emissão de poluentes.

A ideia da campanha é promover a reflexão sobre o que cada cidadão pode fazer para reduzir a poluição do ar estimulando, ao mesmo tempo, o uso do transporte coletivo para deslocamentos nas cidades. Cerca de 76% da população brasileira vive em cidades e a tendência de aumento da urbanização nas próximas décadas coloca a discussão sobre cidades e mobilidade urbana no coração do desenvolvimento sustentável.

Leia também: ONU lança campanha no Dia Mundial do Meio Ambiente

Segundo a ONU Meio Ambiente, nove em cada dez pessoas em todo o mundo respiram ar poluído. As emissões nocivas são responsáveis por uma em cada nove mortes em nível global e por sete milhões de mortes prematuras por ano. Só no continente americano, mais de 300 mil pessoas morrem anualmente devido à má qualidade do ar. Alguns poluentes atmosféricos também estão diretamente relacionados ao aquecimento global, contribuindo para o desenrolar de uma crise climática.

Os ônibus urbanos têm evoluído tecnologicamente e são equipados atualmente com motores menos poluentes. Comparados com motores da década de 1990, os atuais apresentam redução das emissões de poluentes de 81% nos limites toleráveis de hidrocarbonetos, 86% de óxidos de nitrogênio e 87% de monóxido de carbono, chegando a uma redução de 95% dos materiais particulados, os mais perigosos para a saúde.

Além disso, o ônibus é um modal muito mais eficiente e sustentável que as opções individuais, apresentando, na média, níveis de emissão de CO2, o principal gás do efeito estufa, até quatro vezes menores que as motos e oito vezes menores que os carros por passageiro transportado.

Leia também: Descubra o luxo guardado pelas belezas do litoral brasileiro

Também em afirmação às ações de preservação ambiental, as associadas ao SetraBH seguem as orientações do “Programa Despoluir”, criado pela Federação das Empresas de Transporte de Passageiros de Minas Gerais (Fetram), que estimula e defende um transporte cada vez mais limpo, eficiente e sustentável, trazendo benefícios não só para os seus trabalhadores, mas também para toda a sociedade.

As empresas participam ainda do projeto “Redução da Emissão de Poluentes pelos Veículos”, do “Programa Despoluir”, criado pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) e realizado em conjunto com o Serviço Social do Transporte (SEST), que ampliam a regularização ambiental dos veículos de transporte de passageiros em relação ao atendimento à legislação de emissões de poluentes.

Foto: Jomar Bragança

Avalie este conteúdo


Sobre Jornal da Cidade BH:

Portal de notícias de BH e região, com informações sobre eventos empresariais, negócios, economia, política, cobertura social e muito mais.

×
Jornal da Cidade BH | Notícia boa também dá audiência!